Emagrecer ou Perder Peso?


Algumas pessoas observaram que a restrição de Glúten da dieta proporciona uma perda de peso considerável. Mas será que a pessoa está emagrecendo ou somente perdendo peso?

Perder peso é diferente de emagrecer, ou seja, perder água é diferente de perder gordura.
O corpo humano é formado por ossos, músculos, cartilagens, água e gordura. Nosso peso é determinado pela soma de todos os elementos contidos em nosso corpo, e cerca de 60% de nosso peso vem da água contida dentro e fora das células.

Assim sendo, perder peso não é igual a emagrecer.

Emagrecer significa somente a queima de gordura.
Por isso é tão importante um acompanhamento profissional quando o assunto é emagrecer com saúde.

Muitas dietas e medicamentos que prometem perda de peso em pouco espaço de tempo e sem uma mudança de hábito alimentar, na verdade está fazendo você perder água e massa muscular. Você perde peso, mas não emagrece. A gordura, fonte de armazenamento de energia de nosso corpo, é a última a ser queimada. E quando você deixa aquela dieta da moda, ou para de tomar aquele remedinho milagroso que custa uma fortuna, você só terá conseguido desequilibrar o seu metabolismo. Surge então o “Efeito Sanfona”.

Para saber se está necessitando emagrecer, os especialistas utilizam, entre outros métodos como definição muscular e relação da medida cintura quadril (RCQ), Índice de Massa Corporal (IMC) que nada mais é do que seu percentual de gordura corporal.

Como calcular o IMC

O IMC é calculado levando em consideração o peso e altura. Para saber se você está no peso ideal, é preciso observar as seis faixas de valores:
abaixo de 18,5 = abaixo do peso
18,5 a 24,9 = peso normal
25 a 29,9 = acima do peso (sobrepeso)
30 a 34,9 = obesidade grau I
35 a 39,9 = obesidade grau II
acima de 40 = obesidade grau III

É muito fácil calcular o IMC, basta utilizar a seguinte fórmula:
IMC= peso (quilos) ÷ altura² (metros)
Por exemplo, se uma pessoa pesa 75 kg, e mede 1,70 m:
IMC= 75 ÷ 1,70²
IMC= 75 ÷ 2,89
IMC= 25,95

Isso significa que essa pessoa está com sobrepeso.

E o que fazer para emagrecer?

A resposta é muito simples.
Ingira menos calorias do que você é capaz de queimar e procure atividades e alimentos que aceleram o metabolismo, além de evitar hábitos e alimentos que fazem seu metabolismo diminuir.

Aqui vai umas dicas:

1ª - Pratique exercícios físicos regularmente, mas procure aquele que te proporcione prazer, e não, o que o seu vizinho pratica. A prática regular de exercícios físicos é capaz de aumentar o seu metabolismo, mesmo depois de ter terminado a atividade.

2ª - Tome bastante líquido, principalmente água.
Manter o corpo hidratado acelera o metabolismo além de proporcionar uma sensação de saciedade e fazer com que coma menos.

3ª - Procure introduzir no seu cardápio alimentos termogênicos, aqueles que vão ajudar na queima calórica.

4ª - Além de termogênicos, ainda existem aqueles que aumentam o seu metabolismo, assim como o exercício físico.

5ª - Evite hábitos e alimentos que diminuem o metabolismo

Alimentos que aumentam o metabolismo 
1 - Maçã
Além de aumentar o metabolismo, a maçã é um alimento de baixa caloria.

2 - Pimenta
Sua ingestão eleva a temperatura do organismo, aumentando o gasto calórico em até 20%. A capsaicina presente na pimenta aumenta a atividade do sistema nervosos simpático, afetando o comportamento da ingestão alimentar, o que pode diminuir o desejo de ingerir proteínas, carboidratos e gorduras auxiliando no emagrecimento. Além disso seu consumo previne o acumulo de gordura na região abdominal.

3 - Carnes magras
As proteínas prestes na carne têm digestão lenta, evitando com que seu corpo libere grandes quantidades de insulina de uma só vez, o mesmo que ocorre com os carboidratados de baixo índice glicêmico, fazendo seu organismo trabalhar mais no processo digestivo aumentando seu metabolismo aumentando a sensação de saciedade.

4 - Gengibre
O Gengirol, uma das substâncias ativas presentes no gengibre, contribui com várias ações benéficas fazendo com que ele seja antioxidante, antifúngico, anti-inflamatório, analgésico, antipirético e inibidor da agregação das plaquetas evitando o aparecimento de trombos. Possui ainda,  ação cardiotônica, efeito protetor de células nervosas contra doenças degenerativas e atividade protetora contra câncer. O gingerol também é conhecido por sua ação termogênica, auxiliando na perda de peso para quem procura emagrecer.

5 - Canela
A canela atua no esvaziamento gástrico ajudando a segurar mais a fome ao longo do dia, evitando a vontade de comer doces e ainda tem grande ação anti-fúngica, anti-bacteriana e anti-parasitária.

6 - Mostarda
Alimento termogênico que aumenta a temperatura do corpo e acelera a queima de gordura.

7 - Alimentos ricos em cafeína - Sem exagero para não causar mais danos que benefícios.
Café, Chá Mate, Chá Preto, bebidas a base de Cola, Guaraná em pó, e também no grande vilão… Chocolate
A cafeína é uma substancia estimulante, extremamente solúvel em água quente, não tem cheiro e apresenta sabor amargo.
Seu consumo exagerado pode causar sérios danos ao organismo por ser uma droga psicotrópica. Ela age no sistema nervoso autônomo como estimulante, aumentando o metabolismo e produzindo um estado de excitação. Mas assim como ela produz esta sensação de energia e disposição, ela também pode provocar maior irritabilidade e ansiedade em algumas pessoas. Além do mais, ela pode causar dependência física e causar sintomas desagradáveis tais como fortes dores de cabeça, náuseas e dores no estômago.
A cafeína não apenas estimula o sistema nervoso central, mas também pode atuar no organismo como um antidepressivo leve, elevando a produção de determinados neurotransmissores (serotonina, dopamina e noradrenalina) no cérebro. 
(fonte: Harvard Gazette, julho de 2013)

8 - Alimentos ricos em Ômega 3
Peixes, a Pele do Peixe, Frutos do Mar, a Gema do Ovo, Linhaça, Chia, Nozes, Avelã, Amêndoa, Castanhas, Óleo de Canola, Alface, Soja, Espinafre, Brócolis, Couve, Pepino.

Hábitos e alimentos que diminuem o metabolismo

1 - Comer em horários indefinidos

2 - Dormir pouco

3 - Ficar muito tempo em uma só posição

4 - Dietas muito restritas, assim como ficar uma longo período de tempo sem se alimentar

5 - Alimentos com pesticidas organoclorados. Pesquisadores canadenses descobriram que pessoas em dieta que possuem níveis maiores de organoclorados, que são armazenados na gordura corporal, sofrem uma queda maior do metabolismo, provavelmente porque a substância interfere com o processo de queima de energia.

6 - Refrigerantes diet e light. A concentração de sódio presente nessas bebidas é prejudicial para o metabolismo.

7 - Bebidas alcóolicas. Ao ingerir álcool, ele é o combustível utilizado, e então seu metabolismo desacelera e você queima menos gordura.

8 - Alimentos ricos em gordura, como as frituras e carnes gordas.

9 - Alimentos com alto índice glicêmico.

10 - Os alimentos industrializados, ricos em conservantes, que são considerados toxinas para o corpo. Além disso, alguns, como a salsicha, contêm corantes, igualmente prejudiciais para o metabolismo.

11 - Fast Foods são alimentos muito ricos em gorduras saturadas, gorduras trans, carboidratos de alto índice glicêmico.

Nenhum comentário:

Comentários
0 Comentários

Postar um comentário

"
"
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...