Torta Capixaba

Nessa época do ano, no Espírito Santo, famílias, vizinhos e amigos se reúnem para deliciar a tradicional Torta Capixaba, preparada com frutos do mar, bacalhau e palmito.

Esse prato uma espécie de moqueca sólida, rústica e corada, que não pode faltar à mesa capixaba na Semana Santa. Ela é servida fria em pedaços, como entrada, ou quente acompanhada de arroz branco, na forma de prato principal.

Apesar de delicioso, não é muito difundido para os outros estados brasileiros. 

Nascida da tradição pesqueira e da herança das culturas indígenas e portuguesa, a torta capixaba virou um clássico da Semana Santa. Os colonizadores desembarcaram trazendo o hábito de comer bacalhoada na Sexta-feira da Paixão, quando a carne é proibida para os católicos; aprenderam com os índios capixabas a comer palmito. Os frutos do mar eram fartos e os siris estavam por todo o mangue. Juntar tudo na panela de barro foi um passo natural.

A receita tradicional recomenda cozinhar moquecas dos ingredientes separadamente (camarão, marisco, siri, bacalhau, palmito pupunha) respeitando o tempo de cozimento de cada um, e , nas tradicionais panelas  de barro confeccionadas artesanalmente por mulheres no bairro de Goiabeiras, em Vitória, com a lama extraída do manguezal. Só depois de cozidos, juntam-se todos os ingredientes, acrescenta-se ovos batidos para dar textura e estrutura à receita e leva-se ao forno para dourar.

Ingredientes

Para a base de cada moqueca
- 500 gramas de bacalhau cozido, dessalgado e desfiado
- 500 gramas de palmito pupunha cozido e picado
- 500 gramas de frutos do mar a escolher (peixe cortado em pequenos pedaços, carne de siri desfiada, camarão, sururu, ostra, mexilhão)

Temperos a gosto
- Sal
- Alho
- Pimenta vermelha
- Pimenta do reino
- Pimentão
- Tomates maduros picados em cubos
- Coentro picado
- Cheiro verde (opcional)
- Cebola cortada em pequenos cubos
- Óleo vegetal - um fio para dourar a cebola e o alho

Para a montagem da torta
- 8 ovos, sendo que se separa 3 claras para serem batidas em neve
- Ovos cozidos fatiados para enfeite
- Azeite de oliva extra virgem

Fazendo as moquecas
Prepare cada moqueca separadamente, respeitando tempo de cocção de cada ingrediente e reserve. 
É importante que sua moqueca fique o mais seca possível.
1º - Em uma panela doure o alho e a cebola em um fio de óleo
2º - Junte o restante dos temperos e misture
3º - Acrescente a base de sua moqueca (bacalhau, frutos do mar e palmito)
4º - Deixe no fogo brando até secar o caldo, mexendo de vez em quando

Montando a torta
1º - Junte todas as moquecas em um recipiente que possa ser levado ao forno. Na receita tradicional, usa- se a panela de barro.
2º - Acrescente os ovos batidos para dar textura e estrutura a torta
3º - Coloque claras em neve sobre a torta e leve ao forno até dourar

Parece complicado a primeira vista, mas na verdade trata-se de uma receita bastante simples.
Espero que gostem.
Bom apetite!


Nenhum comentário:

Comentários
0 Comentários

Postar um comentário

"
"
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...